RESPOSTA AO PECADO

RESPOSTA AO PECADO
Compartilhar

RESPOSTA AO PECADO

Salmo 51

[Ao regente do coral: salmo de Davi, sobre a ocasião em que o profeta Natã veio falar com Davi após o adultério com Bate-Seba.]1Tem misericórdia de mim, ó Deus, por causa do teu amor. Por causa da tua grande compaixão, apaga as manchas de minha rebeldia. 2Lava-me de toda a minha culpa, purifica-me do meu pecado. 3Pois reconheço minha rebeldia; meu pecado me persegue todo o tempo. 4Pequei contra ti, somente contra ti; fiz o que é mau aos teus olhos. Por isso, tens razão no que dizes, e é justo teu julgamento contra mim. 5Pois sou pecador desde que nasci, sim, desde que minha mãe me concebeu. 6Tu, porém, desejas a verdade no íntimo e no coração me mostras a sabedoria. 7Purifica-me de minha impureza, e ficarei limpo; lava-me, e ficarei mais branco que a neve. 8Devolve-me a alegria e a felicidade! Tu me quebraste; agora, permite que eu exulte outra vez. 9Não continues a olhar para meus pecados; remove as manchas de minha culpa. 10Cria em mim, ó Deus, um coração puro; renova dentro de mim um espírito firme. 11Não me expulses de tua presença e não retires de mim teu Santo Espírito. 12Restaura em mim a alegria de tua salvação e torna-me disposto a te obedecer. 13Então ensinarei teus caminhos aos rebeldes, e eles voltarão a ti. 14Perdoa-me por ter derramado sangue, ó Deus de minha salvação; então, com alegria, anunciarei tua justiça. 15Abre meus lábios, Senhor, para que minha boca te louve. 16Tu não desejas sacrifícios, do contrário eu os ofereceria; também não queres holocaustos. 17O sacrifício que desejas é um espírito quebrantado; não rejeitarás um coração humilde e arrependido. 18Olha com favor para Sião e ajuda-a; reconstrói os muros de Jerusalém. 19Então te agradarás dos sacrifícios de justiça, dos holocaustos e das ofertas queimadas; e sobre teu altar novilhos voltarão a ser sacrificados.

As respostas de Davi ao seu pecado

O Salmo 51 descreve o modo como o crente deve pensar e sentir sobre os horrores de seu próprio pecado. É um salmo sobre como sermos esmagados pela culpa do pecado para, em seguida, buscarmos a cura pela culpa em Cristo e a superação sobre o pecado pela graça de Deus. Escrevendo sobre o salmo, Martyn Lloyd-Jones (O clamor de um desviado, ed. PES) comentou o seguinte:

Normalmente é admitido que o o Salmo 51 talvez seja a exposição clássica no Antigo Testamento sobre a questão do arrependimento. De fato, há um sentido em que se pode afirmar que talvez ele seja a exposição clássica sobre este assunto na Bíblia inteira. Ele é o registro da agonia da alma de Davi, o rei de Israel, após ter sido culpado de um crime particularmente terrível.

Pois bem, faremos o seguinte (hoje cedo e à noite, Deus permitindo). Caminharemos por esta oração de arrependimento de Davi, observando as respostas que ele deu aos seus pecados. Nosso propósito é aprender sobre como devemos pensar, sentir e agir diante de nossos pecados. Queremos cura para a culpa do pecado. Cura que somente Cristo, mediante arrependimento e fé, pode dar ao pecador. Destacaremos, hoje de manhã, duas respostas que o pecador deve dar ao pecado.

1. Volte-se para Deus

Davi se voltou para sua única esperança: a misericórdia e o amor de Deus (v. 1):

1Tem misericórdia de mim, ó Deus, por causa do teu amor. Por causa da tua grande compaixão, […]

Essa era a promessa de Deus em Êxodo 34.6-7:

6O SENHOR passou diante de Moisés, proclamando: “Javé! O SENHOR! O Deus de compaixão e misericórdia! Sou lento para me irar e cheio de amor e fidelidade. 7Cubro de amor mil gerações e perdoo o mal, a rebeldia e o pecado. Contudo, não absolvo o culpado; trago as consequências do pecado dos pais sobre os filhos até a terceira e quarta geração”.

Davi conhecia esta promessa, por isso orou: “Tem misericórdia de mim, ó Deus, por causa do teu amor. Por causa da tua grande compaixão, […]”.Davi reconhecia, pela promessa bíblica, que Deus está pronto para perdoar o pecador arrependido que se aproxima com fé, mesmo que não apague ou cancele as consequências de nossos pecados (como foi o caso de Davi; a consequência dos pecados dele na família é inquestionável; leia sua história de 2Samuel 11 a 1Reis 1; veja, por exemplo, Amnom, Tamar, Absalão e Adonias).

Sabemos, hoje, mais do mistério desse perdão e salvação do que Davi poderia ter imaginado. Nós conhecemos a Cristo. Sabemos que Cristo é a revelação do amor de Deus; a expiação e a propiciação pelos nossos pecados (Rm 3.23-26):

23pois todos pecaram e estão destituídos da glória de Deus, 24sendo justificados gratuitamente por sua graça, por meio da redenção que há em Cristo Jesus. 25Deus o ofereceu como sacrifício para propiciação mediante a fé, pelo seu sangue, demonstrando a sua justiça. Em sua tolerância, havia deixado impunes os pecados anteriormente cometidos; 26mas, no presente, demonstrou a sua justiça, a fim de ser justo e justificador daquele que tem fé em Jesus.

Em Cristo há misericórdia, amor, graça e perdão (1Jo 1.8-10):

8Se afirmarmos que estamos sem pecado, enganamos a nós mesmos, e a verdade não está em nós. 9Se confessarmos os nossos pecados, ele é fiel e justo para perdoar os nossos pecados e nos purificar de toda injustiça. 10Se afirmarmos que não temos cometido pecado, fazemos de Deus um mentiroso, e a sua palavra não está em nós.

Confiantes nesta promessa, nós nos apegamos à misericórdia e ao amor de Deus da mesma maneira que Davi. Portanto, a primeira coisa a se fazer, em resposta ao pecado, é se voltar para Deus com arrependimento e fé; é suplicar perdão e salvação, baseando-se na misericórdia, no amor e na compaixão de Deus por nós na pessoa e obra de Jesus Cristo.

Face ao pecado, pare de pecar. Não cubra pecado com mais pecado. Volte-se para Deus com arrependimento e fé na vida e na obra de Cristo. Misericórdia, amor e compaixão garantem para nós perdão e salvação.

2. Clame a Deus por limpeza e purificação

Voltando-se para Deus, Davi clamou por limpeza e purificação (vv. 1-2 e 7):

1[…] apaga as manchas de minha rebeldia[transgressão — rebelião, revolta da vontade contra a autoridade, especialmente contra uma pessoa de autoridade]. 2Lava-me de toda a minha culpa[iniquidade — um ato torcido, alterado, perversão], purifica-me do meu pecado[errar o alvo, não viver conforme deveríamos viver]. […] 7Purifica-me[com hissopo] (de minha impureza), e ficarei limpo; lava-me, e ficarei mais branco que a neve.

Hissopo era o ramo usado pelos sacerdotes para aspergir sangue em casas que tivessem sido contaminadas por doenças (Levítico 14.51). Davi está clamando a Deus, seu Sumo Sacerdote, pedindo que ele o perdoe e o limpe do pecado; Davi quer perdão e justificação.

É apropriado que os cristãos, conforme já estudamos hoje e em mensagem anterior (cf.Salmo 51: A cura para a culpa), peçam a Deus para fazer isso (1João 1.7-9). Cristo comprou com seu próprio sangue o nosso perdão. Ele pagou o preço total pelo pecado. Isso, no entanto, não substitui a necessidade que temos de lhe pedir perdão. Perdão não é automático. É a base para o nosso pedido. É a razão pela qual estamos confiantes de que a resposta de Deus será sim.

Como o pecado nos faz sentir sujos! Somente Jesus, o sangue de Jesus, poderá nos purificar, tanto diante de Deus como na consciência (Hb 10.19-23):

19Portanto, irmãos, temos plena confiança para entrar no Santo dos Santos pelo sangue de Jesus, 20por um novo e vivo caminho que ele nos abriu por meio do véu, isto é, do seu corpo. 21Temos, pois, um grande sacerdote sobre a casa de Deus. 22Sendo assim, aproximemo-nos de Deus com um coração sincero e com plena convicção de fé, tendo os corações aspergidos para nos purificar de uma consciência culpada, e tendo os nossos corpos lavados com água pura. 23Apeguemo-nos com firmeza à esperança que professamos, pois aquele que prometeu é fiel.

Foi por isso que Davi, primeiro, voltou-se impotente e arrependido para Deus; voltou-se com fé no amor, na compaixão e na misericórdia de Deus; depois clamou por perdão, limpeza e purificação.

Faça você o mesmo. Recorra à graça de Deus para te perdoar, purificar e empoderar para prosseguir vitorioso sobre o pecado. Hoje à noite, Deus permitindo, voltaremos a este salmo e estudaremos o caminho para a superação.

S.D.G. L.B.Peixoto

Compartilhar

Mensagens Recentes