O FUTURO GLORIOSO DA IGREJA

O FUTURO GLORIOSO DA IGREJA
Compartilhar

[75 ANOS DA SIB EM GOIÂNIA]

Msg. 02

JUBILEU DE BRILHANTE

Reunimo-nos aqui para celebrar o Jubileu de Brilhanteda Segunda Igreja Batista em Goiânia: os 75 anos da jovem senhora, a Igreja Batista de Campinas (como era chamada em seus primeiros anos).

Disse pela manhã que o meu objetivo é tecer algumas consideração sobre o que sonho e pelo que suarei a camisa nos próximos anos que o Senhor me permitir viver aqui para pastoreá-los. Dois são os textos bíblicos que estamos estudando. Ambos do profeta Isaías. Um deles, inclusive, está cravado na faxada do templo, dentro da Bíblia aberta que decora a frente da igreja na Avenida 24 de Outubro aqui em Campinas. É Isaías 55.3, que na versão Almeida Século 21se lê: “Inclinai os ouvidos e vinde a mim; ouvi, e a vossa alma viverá”. Este texto nós reservamos para o próximo domingo.

O texto da manhã foi Isaías 54.1-3, e agora à noite nós nos voltamos a ele mais uma vez. Pela manhã, o tema foi A importância da igreja. Agora será O futuro glorioso da igreja. Querendo Deus, domingo que vem será O convite gracioso de Deus(Is 55.3).

O FUTURO GLORIOSO DA IGREJA

Isaías 54.1-3

(Nova Almeida Atualizada 2017 — NAA) 1“Cante, ó estéril, você que não deu à luz; exulte e grite de alegria, você que nunca sentiu dores de parto! Porque os filhos da mulher solitária são mais numerosos do que os filhos da casada”, diz o Senhor. 2“Alargue o espaço de sua tenda e aumente o toldo de sua habitação; não o impeça; alongue as cordas e firme bem as estacas. 3Porque você se expandirá para a direita e para a esquerda; a sua posteridade possuirá as nações e fará com que se povoem as cidades arrasadas.”

Isaías 54 descreve o futuro glorioso da Igreja, um futuro que se sustenta na obra gloriosa do Cristo de Deus. Veja.

No capítulo 52de Isaías, redenção e libertação foram prometidos ao povo de Deus, chamado então de Sião, Jerusaléme meu povo.

À partir de Isaías 52.13, e em todo o capítulo 53, a obra de redenção e de libertação do povo, a salvação de Jerusalém, é descrita em termos espirituais, através do sacrifício do Servo do Senhor, o Messias prometido de Israel, o Filho eterno de Deus, Jesus Cristo.

No capítulo 54, texto que temos diante de nós, o profeta Isaías se volta aos redimidos, a Igreja, e descreve o seu futuro glorioso. Edward J. Young, saudoso erudito e professor de Antigo Testamento no Seminário Teológico Westminster na Filadélfia, Estados Unidos, anotou o seguinte em seu comentário de Isaías (vol. 3, pág. 360):

Deste ponto em diante [Is 54] até o capítulo 57, isto é, até a conclusão [ou caminhando para a conclusão] da segunda parte desta larga seção da profecia (capítulo 40 a 66), o povo não é mais denominado como Siãoou Jerusalém. Os nomes da cidade, que figuradamente representaram a Igreja, são agora removidos; e o profeta fala da glória espiritual que aguarda o povo de Deus. Ao vir à Igreja, Isaías nos leva a compreender mais profundamente o valor e a eficácia do trabalho expiatório do Servo. O sofrimento era para a Igreja, seu corpo, e não para si mesmo [ou mesmo Israel, geopoliticamente falando].

Pois bem, com base na promessa de salvaçãopara o povo de Deus (Is 52.1-12), através da obra de redençãorealizada pelo Cristo de Deus (Is 52.13-53.12), Isaías se volta para falar do futuro glorioso do povo de Deus: a Igreja (Is 54); e na sequência, como veremos no capítulo 55, Deus nos permitindo na semana que vem, Isaías estenderá o convite gracioso de Deus a todos para virem ao Messias e desfrutarem dele na comunhão da Igreja (Is 55).

O que lemos sobre o futuro glorioso da Igreja em Isaías 54.1-3é encantador e nos servirá tanto de encorajamento como de exortação para os próximos 75 anos ou até Cristo voltar para buscar sua Igreja gloriosa.

Estamos falando de (1) um futuro antecipado com alegria— v. 1; (2) um futuro alavancado pela ação— v. 2; e (3) um futuro abençoado em alcance— v. 3. Nosso futuro, Segunda Igreja Batista em Goiânia, é um futuro de alegria, açãoe alcance.

Vejamos um de cada vez…

1 UM FUTURO ANTECIPADO COM ALEGRIA

Leia comigo o texto e veja que a igreja é convidada a viver em estado de antecipação da alegria, viver pela fé regozijante e na esperança do grande mover de Deus para nos abençoar com frutos na forma de conversões de almas a Cristo. Ouça (Is 54.1):

1Cante, ó estéril, você que não deu à luz; exultee gritede alegria, você que nunca sentiu dores de parto! Porque os filhos da mulher solitária [sem esposo, pois se sentiam abandonados por Deus] são mais numerosos do que os filhos da casada”, diz o Senhor.

Em seu exílio e dispersão lá no cativeiro babilônico, Israel ficou desamparada e foi desonrada como uma mulher que não teve filhos (Is 49.21). Mas o profeta conclama o povo a cantar, pois havia a promessa do Senhor de que futuramente seu povo seria fecundo entre as nações (Is 49.19-20).

O Novo Testamento, por sua vez, apresenta uma aplicação ampliada do princípio contido neste verso de Isaías, citando-o como evidência de que a Jerusalém celestial, a Igreja, a mãe dos filhos da promessa, por meio de Sara, desfrutará de grande fecundidade (Gálatas 4.27).

O convite de Deus é que cantemos, antecipando a alegria da colheita promovida por Deus. Sim, é verdade que sema graça de Deus nós somos estéreis e jamais teremos o prazer de ver um filho espiritual nascer da água e do espírito. Também é verdade que outras filosofias, religiões, modos de vida, ideologias, secularismo, modernismo, materialismo e tantos outros ismosparecem prosperar mais do que a Igreja. A promessa, no entanto, é certa (Is 54.1):

1Cante, ó estéril, você que não deu à luz; exulte e grite de alegria, você que nunca sentiu dores de parto! Porque os filhos da mulher solitária [sem esposo, pois se sentiam abandonados por Deus] são mais numerosos do que os filhos da casada”, diz o Senhor.

O que temos aqui?

A Igreja é conclamada por Deus a viver antecipando seu futuro glorioso com alegria, ela é chamada a cantar, não obstante aos fatos aparentemente intransponíveis, à sensação do abandono ou da distância de Deus e ao seu estado de completa incapacidade em si mesma. A Igreja é chamada a cantarcom alegria, com e esperançana graça de Deus. Mas não é só cantar… A igreja é chamada a agir…

2 UM FUTURO ALAVANCADO PELA AÇÃO

O canto, a exultaçãoe o gritode alegria da igreja (note a progressão do regozijo no verso 1!) são transformados em ações e atitudesque visam a preparar a si mesma para semear, cultivar, ceifar e congregar os frutos do evangelho da glória e da graça de Deus em Jesus Cristo. Ouça (Is 54.2):

2“Alargue o espaço de sua tenda e aumente o toldo de sua habitação; não o impeça; alongue as cordas e firme bem as estacas.

Primeiramente, note a imagem que o SENHOR usa para descrever a igreja: tenda. A figura de linguagem parece nos sugerir que a Igreja está apenas de passagem neste mundo. Com efeito, ela é peregrina e não tem aqui morada permanente. Vive como nômade, viajando de lugar em lugar até chegar em seu destino final, a morada celestial.

Agora, observe o que se requer da igreja. Quatro coisas:

1que ela alargue seu espaço e aumente o toldo— i.e., que anuncie o evangelho a todos quantos puder alcançar: evangelismo e discipulado, missões, etc.

2que não impeça o acessoa ela — i.e., que não anuncie outro evangelho ou sirva de escândalo e tropeço, afastando e impedindo, assim, o acesso;

3que alongue as cordas— i.e., que se viva unidos pelo laço forte das cordas do amor; e

4que firme bem as estacas— i.e., que se fundamente na doutrina dos apóstolos e profetas: estude e conheça as doutrinas da fé bíblica à luz da tradição batista, protestante, reformada.

A igreja é chamada a alavancar seu futuro com ação: proclamandoo evangelho (alargando o espaço e aumentando o toldo), protegendoo evangelho (não impedindo o acesso), personificandoo evangelho (alongando as cordas do amor), perpetuandoe se pautandopelo evangelho de Jesus Cristo em tudo o que fizer ou falar (firmando bem as estacas).

O evangelho é que alavanca o futuro da igreja, por isso nós buscamos conhecê-lo, o proclamamos, o protegemos e por ele nos pautamos.

Agora, de forma prática, isto significa que: priorizamos a palavra de Deus no púlpito, Escola Bíblica e pequenos grupos; centramos nossas músicas em Cristo; entregamo-nos ao discipulado; batalhamos para a preparação de novos líderes e trabalhamos para a nossa ampliação.

Precisamos de você: suas orações, dedicação, contribuição (dízimos e ofertas), energia e vigor. Afinal, o futuro glorioso da igreja é alavancando pela ação: a ação de cada membro com Cristo no coração, o evangelho nos lábios e as mãos na obra.

3 UM FUTURO ABENÇOADO EM ALCANCE

Tendo apontado que o futuro glorioso da igreja é antecipado com alegria, ao mesmo tempo que é alavancado pela ação, Isaías mostrará o alcance abençoado desta igreja (v. 3):

3Porque você se expandirá para a direita e para a esquerda; a sua posteridade possuirá as nações e fará com que se povoem as cidades arrasadas.

A igreja (1) abençoará todos os lados, direita e esquerda (ela não escolherá aonde ir); (2) ela alcançará todo mundo: as nações (sairá de suas quatro paredes); e (3) também chegará aos lugares e corações mais arrasados(trabalhará pela reconciliação com Deus e a restauração das coisas arrasadasprovocada pelo pecado).

A igreja será uma benção para a sociedade tão somente se mantiver a lealdade ao comando de seu Senhor e Mestre: ir e fazer discípulosde todas as nações, ensinando-osa guardar o que Jesus ensinou, reconciliando o homem com Deus e uns com os outros na comunhão da igreja, buscando a restauração do pecador.

O FUTURO GLORIOSO DA IGREJA

Ah! Muito mais poderia ser dito, mas o tempo não nos permite! Que fique o seguinte: o futuro da Segunda Igreja Batista em Goiânia está atrelado ao futuro glorioso da Igreja de Jesus Cristo — um futuro alicerçadona vida e obra de Cristo e, portanto, antecipadocom alegria, alavancadopela ação e abençoadoem alcance. Quatro desafios:

Encontre alegria em frutificar para Deus: faça discípulos para Cristo.

Envolva-se de forma prática nas ações de expansão da igreja: trabalhe, contribua, cresça no conhecimento e na graça de Cristo e compartilhe o evangelho.

Encontre maneiras de abençoar as pessoas, com restauração e recursos.

Lance mão do Cartão do Conquistador de Almas.

S.D.G. L.B.Peixoto

Compartilhar

Mensagens Recentes